Arquivos Mensais: Dezembro 2011

O bosque

O Bosque de Berkana Não estejas longe de mim um só dia, porque como,  porque, não sei dizê-lo, é comprido o dia, e te estarei esperando como nas estações quando em alguma parte dormitaram os trens. Não te vás por … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 2 Comentários